Campanha Julho Amarelo Prevenções de Hepatites Virais

O dia 28 de julho é lembrado como o dia mundial de luta contra as Hepatites Virais. O Nups por meio do Projeto Avança Saúde, em parceria com o Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), mesmo neste momento de pandemia continua realizando testes rápidos com a população para detecção de hepatite B e C.

Entre muitas ações realizadas, nesta quinta-feira (30) aconteceu uma live com as profissionais da saúde Cecília Lessa (assistente social) e Gilvaneide Rocha (enfermeira) com o tema: A luta contra as hepatites virais começa com a conscientização. Na ação foi mencionado o controle dessas doenças e reforçadas as formas de transmissão, prevenção e tratamento. A Secretaria de Saúde disponibiliza testes rápidos no Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA) que por enquanto estão sendo realizados na UBS Centro.

A Hepatite é um tipo de inflamação que afeta o fígado, comprometendo seu funcionamento e aumentando o risco de aparecimento de cirrose, câncer e outras doenças.

Ainda não existe vacina para a hepatite C, porém o paciente pode realizar o tratamento pelo SUS, cujo índice de cura é superior a 90%.

“As Hepatites B e C são transmitidas pelo contato com o sangue contaminado, presente em objetos comumente compartilhados: agulhas, alicates de cutícula, aparelhos de barbear. Materiais não descartáveis ou não esterilizados, usados na colocação de “piercings”, tatuagens ou em procedimentos cirúrgicos e odontológicos, também podem transmitir as Hepatites B e C. E mais: uma mãe, portadora do vírus, pode transmitir a doença para o filho, principalmente no momento do parto. Lembrando também que a Hepatite B é uma doença sexualmente transmissível (DST)”, explicou Cecília Lessa, assistente social.