Grupo INAN, SOS Mata Atlântica e Vigilância Sanitária levam conhecimento a alunos no Rio Coruripe

Na última semana o Instituto Amigos da Natureza (Inan), SOS Mata Atlântica e Vigilância Sanitária de Coruripe, realizaram a 12ª análise da qualidade da água do Rio Coruripe. No evento alunos das escolas municipais Liege Gama Rocha e Cláudio Daniel Gama Amorim participaram de palestras sobre a importância da água para a vida e para a produção de alimentos.

Num outro momento sob a orientação de Zilma Borges, engenheira de pesca, os estudantes observaram os jovens participantes do grupo INAN realizando as etapas do processo da análise da qualidade da água que iria acontecer.

“Para nós que fazemos a secretaria de Saúde de Coruripe estamos sempre estreitando laços e colaborando para desenvolver o conhecimento da educação ambiental é bom ver nossos jovens atuando e participando, pois eles serão multiplicadores dessa ação”, disse o diretor da Vigilância Ambiental, Gustavo Freire.

Marcos Lima, explica “o levantamento dessa análise é muito importante para todos diante da importância da água para a nossa sobrevivência, agora concluímos que a análise obteve 37.33 pontos, resultado parcial do IQA (Índice de Qualidade das Águas) mostrando que a água está boa”, concluiu o presidente do INAN.

Na ocasião o presidente relatou que os integrantes do Inan de Coruripe, participaram em Maceió de uma palestra sobre dependência química do Núcleo: Drogas Nunca e ouviram a triste experiência de quem enfrentou o mundo das drogas. “Durante a conversa, eles ouviram as experiências do que a droga causa e de que é possível ser feliz sem seu uso”, explicou Marcos Lima.

O Batalhão de Guardas Escoteiros Ambientais de Coruripe-Instituto Amigos da Natureza-BGEA/INAN é composto de crianças e adolescentes que colaboram voluntariamente em várias ações no município, como por exemplo, a recuperação de nascentes, limpeza de praias, mananciais, resgate de animais silvestres e de palestras.